Soteropolitanos desenvolvem aplicativo de controle de ponto

0

Existem anualmente mais de 2 milhões de processos trabalhistas por falha no registro de ponto no Brasil. Um dos motivos: “Horas extras”. De todos os processos trabalhistas registrados no Brasil, ¼ envolve o controle de ponto: horas britânicas, ausência do registro de ponto, horas extras não pagas, intervalos irregulares, entre outros.

Pensando nessas dificuldades um grupo de jovens empreendedores soteropolitanos desenvolveram um aplicativo que é capaz de registrar o ponto com a utilização de apenas um smartphone e do QR Code. É o aplicativo QR Point, que pretende simplificar o ponto e também baratear. Incluindo mais segurança e controle para os empresários, com geolocalização em tempo real, foto do colaborador na batida e cálculo automático das H.E e outros adicionais.

Para se ter uma ideia, um relógio de ponto biométrico não custa menos que R$1.200,00 isso sem contar com o custo da manutenção mensal, do software e demais insumos, como papel, bateria, etc. Que chegam a custar para as empresas até R$250,00 por mês para apenas 10 colaboradores. Com o QR Point é possível bater o ponto com um valor inicial de 4,90 por mês por colaborador e suporte gratuito vitalício, uma economia anual de 80% no orçamento mensal.

O QRPOINT está disponível na plataforma Android. Mais de 30 empresas já aderiram o aplicativo, que controla diariamente a jornada de mais de 200 colaboradores.

COMO USAR?

Basta baixar o aplicativo na Google Store, solicitar a implantação através dos contatos em nosso site e começar a utilizar com teste gratuito de 35 dias.

Para mais informações acesse www.qrpoint.com.br/

Compartilhe.

Sobre o Autor